verifica
Dólar
Euro
Dólar
Euro
Dólar
Euro

Macaé

Em Macaé, atendimento psicossocial infantojuvenil é oferecido em novo espaço

Nova sede do Capsi fica na Rua da Igualdade, 71, atrás da Prefeitura. Espaço oferece mais acessibilidade e oficinas a crianças e adolescentes com transtorno mental grave e persistente.

Nova sede do Capsi fica na Rua da Igualdade, atrás da Prefeitura de Macaé - Foto: Rui Porto Filho/Prefeitura de Macaé
Nova sede do Capsi fica na Rua da Igualdade, atrás da Prefeitura de Macaé - Foto: Rui Porto Filho/Prefeitura de Macaé
O Centro de Atendimento Psicossocial Infantojuvenil (Capsi), em Macaé, no Norte Fluminense, está funcionando em um novo endereço: na Rua da Igualdade, 71 (atrás da Prefeitura).

O espaço foi inaugurado nesta quinta-feira (7), e, segundo a Prefeitura, oferece mais acessibilidade e oficinas a crianças e adolescentes com transtorno mental grave e persistente.

"O espaço é mais amplo e oferece mais acessibilidade. Muitas crianças assistidas na unidade são autistas e o local fica mais próximo ao ponto de ônibus", explica a gerente de Saúde Mental, Lorrane Moreira.

Uma equipe multidisciplinar atende 450 pacientes de acordo com cada Projeto Terapêutico Singulado (PTS), ou seja, caso a caso.

Como funciona o atendimento

A entrada no Capsi é dada tanto por demanda espontânea, quando o serviço é procurado voluntariamente; quanto por demanda referenciada, por encaminhamento do Judiciário, ou de outras instituições ou unidades, segundo a Prefeitura.

O atendimento é oferecido a pacientes na faixa etária de 2 a 17 anos, 11 meses e 29 dias. Os maiores de 18 anos, caso não tenham recebido alta, são encaminhados a outras unidades municipais de assistência psicossocial, como o Caps e o CapsAD (dependência química).

Na unidade são assistidas crianças e adolescentes também esquizofrênicos; que tentaram suicídio, usuários de substâncias, álcool ou drogas; em situação de conflito com a lei, em situação de violência, com depressão, entre outros casos.

Atendem na unidade psiquiatra, psicólogo, enfermeiro, assistente social, fonoaudiólogo, fisioterapeuta, terapeuta ocupacional, musicoterapeuta e técnico de enfermagem.

"O acompanhamento é feito de acordo com o PTS do paciente, podendo ser diário, semanal ou quinzenal. Em casos graves de depressão, o atendimento pode ser realizado por meio de visita domiciliar", informa a Prefeitura.

O Capsi funciona das 8h às 17h. Os contatos com a unidade são o telefone (22) 2796-1352 ou o e-mail [email protected].

Endereços das demais unidades de atenção psicossocial:

Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Outras Drogas - Capsad Porto

Endereço: Avenida Agenor Caldas, 261

Telefone: 2796-1295

Horário de atendimento: das 8h às 19h

Centro de Atendimento Psicossocial - Caps Betinho

Endereço: Rua Compositor Benedito Lacerda, 212

Telefone: (22) 2796-1374

Horário de atendimento: das 7h às 18h (segunda, quarta, quinta e sexta-feira) e das 7h às 21h (terça-feira)
Comentários

Leia estas Notícias

Acesse sua conta
ou cadastre-se grátis